12 de ago de 2016

Resenha: Deixe a Neve Cair

 
 *Foto pega no blog Leitura de Cabeceira*
Oi pessoal. O primeiro livro que eu li esse ano foi Deixe a Neve cair. Esse livro me prendeu por três noites seguidas. Eu li ele nas férias, já não aguentava mais ficar sem ler e pedi ele emprestado.

Qual a história do livro?
 O livro conta três histórias que acontecem no natal. A primeira se chama O Expresso Jubileu, por Maureen Johnson, conta a história de Jubileu que queria comemorar o natal e o aniversário de um ano de namoro, mas no meio de uma coisa e outra... O segundo se chama O Milagre da Torcida de Natal, por John Green, uma história bem divertida sobre três amigos que deixaram de ver filmes para ir curtir o natal em grande estilo. O terceiro e último se chama O Santo Padroeiro dos Porcos, foi a minha história favorita, conta sobre a Addie que acaba de sofrer um termino...
 No final, como todos já devem saber, as três histórias se ligam e é aquela coisa linda.


 O que eu achei? 
 Pra mim cada história foi especial. Li cada página com muito prazer e vou dizer, que livro! Vale a pena ler ele com toda certeza do mundo. E o desfecho é maravilhoso. O livro é grandinho, se não me engano tem umas 300 e poucas páginas, mas como é fácil entender ele a leitura fica bem rápida.

 Onde encontro?
 Como vocês sabem eu sempre coloco o link da Saraiva, então cliquem aqui para comprar. Achei bem barato por ser um livro tão popular. Custa apenas R$16,90.

Espero que tenham gostado, Ruana.

2 comentários:

  1. Olááá!
    Eu conhecia o livro, tinha interesse, mas não sabia detalhes da história. Gostei da resenha e fiquei com mais vontade de ler. <3

    Beijos,
    Postando Trechos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, espero que goste do livro.

      Beijos, Ru.

      Excluir

Vai comentar? Ótimo. Mas temos algumas regras:
1- não fale palavrões, não ofenda ninguém
2- sempre deixe o link do seu blog para eu poder vê-lo
3- avise se estiver seguindo, talvez eu também goste do seu blog e siga
Obrigada por comentar!
E seja bem vindo ao Florescer